-

Perfil:
Idalino Abelardo De Freitas


Arquivos:

Amigos (0)::


fecientifica
21/09/2011 às 14:49

Voltando ao assunto anterior,as pessoas se preocupam com a morte, porque tem dúvidas, será que tudo se acaba com a morte do cérebro, que aniquilaria com a individualidade e a personalidade consciente. seria como desligar um interruptor, que apagaria a luz da vida, escuridão total, sem pensamento, sem sentimento, sem raciocínio, sem sofrimento, sem magoas, sem alegrias, sem felicidade, sem nada, absolutamente nada, seria um apagão total. É justamente isso que muita gente acredita e quer que seja assim, porque é conveniente pra elas, porque não haveria conseguências, nem cobranças e nem justiça. Só que não é bem assim, porque a mente sobrevive a morte do cérebro,  porque a mente desenvolve um segundo fator coesivo, que é o Ego central ou Eu interior,  que desenvolve na mente um centro de atração, que por sua vês desenvolve uma força de atração da periferia para o centro, que é a força egocêntrica. mas como toda força em ação, desenvolve a reação de uma força em sentido contrário, a força egocêntrica, desenvolve a força excêntrica, que é a força de repulsão do centro para a periferia. Esse centro de atração e o jogo das forças antagônicas, é o segundo fator coesivo que garante a sobrevivência da mente em relação a morte do cérebro. porque toda energia psíquica que se acumularia em torno desse centro de atração, se manteria atraida e coesa, mantendo a forma esférica, sob o controle das forças antagônicas. porque nós somos mente, uma esfera mental de energia psíquica, somos seres Mentais. pense no assunto, medite a respeito.



Comentários



Comentar post:

Nome/Apelido:


Email:


Comentário:



Não foi encontrado nenhum comentário!