-

Perfil:
Idalino Abelardo De Freitas


Arquivos:

Amigos (0)::


Fe Cientfica
02/05/2011 às 16:35

Voltando ao assunto anterior, sem esse fator coesivo, a mente nao poderia existir sem o cerebro, e nos somos mentes, somos seres mentais, nada mais do que isso, mas diriam as religioes, que somos almas ou que somos espiritos; mas na realidade somos mesmos e seres mentais, como dizia o filosofo: penso, logo existo, e quem pensa? por acaso nao e a mente juntamente com o cerebro? almas ou espiritos sao ficçoes, que as religioes inventaram para alimentar a fe cega, sao seres ficticios e abstratos, que assombram a nossa fe. a nossa realidade e o cerebroVoltando ao assunto anterior, sem esse fator coesivo, a mente nao poderia existir sem o cerebro, e nos somos mentes, somos seres mentais, nada mais do que isso, mas diriam as religioes, que somos almas ou que somos espiritos; mas na realidade somos mesmos e seres mentais, como dizia o filosofo: penso, logo existo, e quem pensa? por acaso nao e a mente juntamente com o cerebro? almas ou espiritos sao ficçoes, que as religioes inventaram para alimentar a fe cega, sao seres ficticios e abstratos, que assombram a nossa fe. a nossa realidade e o cerebro e a mente nele desenvolvida, isso e real, e racional e cientifico, qualquer duvida , consulte um neurologista, um psiquiatra ou um psicologo, procure saber se realmente desenvolvemos uma mente cerebral, e se nessa mente aum Eu interior ou Ego central,e se esse Ego central desenvolve um centro de atraçao, e se esse centro de atraçao desenvolve uma força de atraçao da periferia para o centro, que e a força egocentrica, e que essa força de atraçao desenvolve uma força de repulsao do centro para a periferia, que seria a força excentrica. os neurologistas estudam o cerebro e os neuronios, os psiquiatras e os psicologos estudam a mente ou a alma,estudam na realidade o nosso psiquismo ou psicologico, nossas açoes e reaçoes e nosso coportamento. pergunte, uma ves comprovado que temos uma mente , e que temos um centro de atraçao ou Eu interior, e que temos forças antagonicas agindo na nossa mente, e que esse centro de atraçao e essas  forças antagonicas, formam o segundo fator coesivo, que individualiza e perpetua a existencia da nossa mente, apos a morte do cerebro.



Comentários



Comentar post:

Nome/Apelido:


Email:


Comentário:



Não foi encontrado nenhum comentário!